Sabe aquela pessoa que fica doente diversas vezes seguidas, seja um simples resfriado ou uma gripe? É bem provável que ela esteja com o sistema imunológico enfraquecido. Mas saiba que é possível fortalecê-lo com apenas algumas mudanças nos hábitos.

 

Quer saber como? Confira as dicas da nutricionista clínica e esportiva, Renata Branco.

 

– Repolho: fonte de glutationa, um poderoso antioxidante que melhora a função das células imunes.

 

– Alho: tem função imunoprotetora, além de fornecer selênio e zinco, nutrientes importantes para evitar gripes, resfriados e outras doenças.

– Amêndoas: ricas em vitamina E e vitaminas do complexo B, ajudam a proteger o sistema imune da oxidação, principalmente em situações de estresse.

– Batata doce: rica em betacaroteno, precursor de vitamina A, é um nutriente fundamental para o sistema imunológico. Pode ser usada no lugar do pão no café da manhã, cozida, ou em purê e sopas.

– Shitake: rico em vitaminas do complexo B que ajudam na proteção do corpo, também oferece efeitos antivirais e antibacterianos, dando um reforço à imunidade.

– Orégano: ótimo contra intoxicações alimentares, contém carvacrol, que ativa as defesas do corpo. Para garantir os seus benefícios, deixe para salpicá-lo só depois do pronto já pronto.

– Gengibre: Rico em vitaminas C, B6 e com ação bactericida, ajuda a tratar inflamações da garganta e auxilia nas defesas do organismo.

– Erva Dente de Leão: aumenta a resposta imune e a produção de óxido nítrico, melhorando a oxigenação dos tecidos. Utilize na forma de chá, com 1 colher chá para 1 xícara de água aquecida.

– Frutas cítricas: fontes de vitamina C, são responsáveis pela cicatrização de feridas, fraturas e contusões, e atuam no processo inflamatório e na integridade das mucosas. Consuma em forma de sucos ou frutas in natura.

– Própolis contém proteínas e compostos com capacidade de alterar e regular o sistema imunológico, além dos benefícios de ser antibacteriano e  estimular receptores específicos e a produção de citocinas, que modulam os mecanismos da imunidade.

– Óleo de coco -o ácido láurico e o ácido cáprico, presentes no óleo de coco tem propriedade de modular o sistema imunológico, agindo contra fungos, vírus e bactérias. Além disso, uma forma indireta de ele contribuir com a imunidade está na melhora do trabalho do intestino ao eliminar as bactérias ruins.
Vale a pena perder um tempinho para fazer umas sopinhas e congelar para o seu dia ficar mais prático. Utilize legumes e verduras frescas, carne magra ou frango e temperos naturais .

Panqueca funcional
2 col sopa de flocos de aveia
1 col sopa de semente de chia
2 ovos
1 col de sopa de psyllium

Hidratar a chia em 1 xícara de água. Misturar todos os ingredientes e preparar os discos da panqueca em uma frigideira untada com azeite.

Escabeche de legumes

Tomate cereja 1 xícara
Abobrinha japonesa 1 und
Ameixa seca sem caroço 1 xícara
Vinagre de maçã 1 xícara
Azeite extra virgem 1 xícara
Cebola 1 und
2 dentes de alho picado
1 pimentão vermelho
1 talo de alho poró
Manjericão a gosto
Orégano a gosto
Sal a gosto

Alguns fatores podem atrapalhar o funcionamento do sistema imunológico e enfraquecê-lo. Muitas vezes, nós passamos por eles e nem nos damos conta de que podem nos prejudicar.

O estresse, por exemplo, é um deles. Isso porque essa condição aumenta a produção de cortisol — um hormônio responsável por diminuir a defesa do organismo para evitar que o sistema imune ataque as células do corpo.

Outras causas do enfraquecimento da imunidade são: má alimentação, insônia ou sono insuficiente, sedentarismo, tabagismo, alcoolismo e problemas emocionais. Se você fica doente com facilidade, preste atenção nos seus hábitos.