A Prefeitura de Mogi das Cruzes abriu as inscrições para o Programa de Incubação do Polo Digital. São 10 vagas para startups que tenham soluções inovadoras para a Gestão Pública (GovTechs) e para Cidades Inteligentes. O prazo para os interessados é até o dia 24 de fevereiro.

As inscrições devem ser feitas no site do Polo Digital (poloconecta.mogidascruzes.sp.gov.br). Os interessados deverão preencher o formulário e encaminhar os documentos pessoais (CPF e RG) dos responsáveis pelo negócio, o registro da empresa (CNPJ) e o modelo de negócio.

As GovTechs são startups digitais voltadas a melhorar a eficiência e efetividade de serviços públicos por meio do uso intensivo de dados e novas tecnologias. Já o conceito de Cidades Inteligentes é o de buscar soluções tecnológicas para apoiar o uso estratégico de recursos, gerando eficiência, desenvolvimento e qualidade de vida.

A opção por focar em startups que tragam soluções voltadas à gestão pública permite que a Prefeitura possa participar mais ativamente do apoio aos empreendedores, como uma plataforma para inovação. As propostas devem se encaixar em um dos 13 eixos propostos: Agricultura, Cultura, Defesa Civil, Educação, Energia, Meio Ambiente, Mobilidade, Saúde, Segurança, Transparência e Gestão Pública, Turismo, Urbanismo e Zeladoria.

“A administração possui uma diretriz de transformação digital, pensando soluções inteligentes e tecnológicas para atender as demandas da população de forma mais eficiente, prática e com economia de recursos públicos. Neste trabalho, a atualização e modernização do atendimento do Polo Digital, que já se vê neste edital, é um ponto importante, já que ele se torna um espaço para se buscar inovações e soluções de cidade inteligente para questões que estão no dia a dia das pessoas”, afirmou o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico e Social, Gabriel Bastianelli.

A avaliação técnica das propostas para a seleção dos participantes será feita em duas etapas. Na primeira, serão analisados os requisitos básicos para a submissão das propostas, como, por exemplo, a viabilidade econômica e tecnológica do negócio, a originalidade da proposta e a solução apresentada.

Os aprovados irão para a segunda fase, em que os responsáveis pelo negócio farão uma apresentação curta para uma banca formada pelo Conselho Municipal de Inovação e Tecnologia (CMIT), que possui representantes da Prefeitura e da sociedade civil.

Para esclarecer dúvidas ou para mais informações, os interessados podem entrar em contato com o e-mail polodigital@mogidascruzes.sp.gov.br, do Polo Digital de Mogi das Cruzes.