Pelo terceiro ano consecutivo, Mogi das Cruzes recebeu, na noite de terça-feira (18), o projeto Natal Iluminado. Além da tradicional projeção de imagens natalinas na fachada da Catedral de Santana, a programação reuniu a celebração de uma missa pelo bispo dom Pedro Luiz Stringhini e a apresentação do Auto de Natal, que contou a história do nascimento de Jesus com a participação dos Canarinhos do Itapety e da Orquestra Sinfônica Jovem de Mogi das Cruzes.
 

Natal Iluminado
Natal Iluminado

O evento é uma realização em conjunto da Prefeitura de Mogi das Cruzes, Federação das Associações Comerciais do Estado de São Paulo (Facesp), Ministério da Cultura e Associação Comercial de Mogi das Cruzes. “O Natal Iluminado já tornou-se uma tradição para a cidade nas comemorações natalinas. A cada ano, o projeto ganha uma nova atração. No ano passado contamos com a apresentação da Orquestra Sinfônica de Heliópolis e, neste ano, a atração é um Auto de Natal encenado e acompanhado por artistas e músicos de Mogi das Cruzes, o que é motivo de muito orgulho”, disse o prefeito Marco Bertaiolli, que acompanhou as apresentações acompanhado da esposa e presidente do Fundo Social de Solidariedade, Mara Bertaiolli.
O Auto de Natal foi baseado no Evangelho de Lucas que versa sobre a passagem bíblica na qual Maria e José, com o Menino Jesus na Manjedoura, recebem os Reis Magos e seus presentes: Ouro, Incenso e Mirra. O espetáculo ecumênico foi montado pelo dramaturgo Nelson Albissú e mesclou um show de teatro, música e dança.