professor doutor Robson Rodrigues da Silva com a coordenadora dos cursos de Engenharia Civil e Elétrica, Flavia Conceição Veneziani Ribeiro
O professor doutor Robson Rodrigues da Silva com a coordenadora dos cursos de Engenharia Civil e Elétrica, Flavia Conceição Veneziani Ribeiro

As fórmulas e equações matemáticas saíram das salas de aula e se transformaram em divertidas brincadeiras interativas para dar suporte pedagógico aos alunos dos cursos de Engenharia da Universidade de Mogi das Cruzes (UMC) e, em breve, aos estudantes das escolas da cidade. O Laboratório de Matemática, inaugurado neste semestre, oferece ferramentas como quebra-cabeça, desafios, jogos de mesas e softwares avançados e apresenta aos graduandos um ambiente diferenciado, onde é possível discutir e aprender mais sobre essa ciência.

“A ideia é que no segundo semestre, o atendimento do Laboratório de Matemática seja ampliado para comunidade, passando também a atender alunos das redes municipal e estadual de ensino”, explica o professor doutor Robson Rodrigues da Silva, que idealizou o projeto com a coordenadora dos cursos de Engenharia Civil e Elétrica, Flavia Conceição Veneziani Ribeiro.

As ferramentas utilizadas no Laboratório de Matemática são diversas: o tangran, um tipo de quebra-cabeça com o qual o aluno trabalha as formas geométricas e aprende a delimitar área e perímetro; a Torre de Hanói, que propõe desafios envolvendo álgebra; a Pirâmide de Esferas; Segredo das Chaves, entre outros jogos de mesa, além de softwares avançados que permitem visualizar gráficos interativos em duas e três dimensões e resolver equações, entre outras.

O Laboratório de Matemática fica no campus Mogi das Cruzes, no andar térreo do Prédio I, e está aberto para visitas nos seguintes dias e horários: às terças e sextas-feiras, das 17h40 às 19 horas, e às quartas-feiras, das 11h10 às 12h40. Mais informações: robson.silva@umc.br