Em sete meses, mais de três mil toneladas de resíduos foram recolhidas
Em sete meses, mais de três mil toneladas de resíduos foram recolhidas

A Secretaria Municipal do Verde e Meio Ambiente divulgou nesta terça-feira (10) o balanço de utilização dos dois ecopontos da cidade referente aos primeiros sete meses do ano. As unidades – localizadas no Parque Olímpico e no Socorro – receberam neste período um total de 3.140 toneladas de resíduos de construção civil, além de 1.315 pneus, 6.524 litros de óleo, 26,28 toneladas de lixo eletrônico e 35,1 toneladas de vidro, papel, plástico e metal. Todo este material segue o caminho natural da reciclagem. Por causa dos bons resultados dos ecopontos, a secretaria vem atualmente estudando áreas no município para a instalação de mais quatro unidades do tipo.

“Fazemos este acompanhamento mensal e podemos concluir que os dois ecopontos já fazem parte do cotidiano da população, com utilização consolidada. E o que é mais importante: a consciência ambiental dos mogianos, que é elevada e se reflete nestes levantamentos. As pessoas já se acostumaram a usar os ecopontos e isso demonstra o sucesso desta iniciativa”, explica o secretário Romildo Campello.
Com os ecopontos, o material descartado passa a ter um destino correto. Além disso, acabam os riscos de os objetos acabarem próximos a rios e córregos, o que pode causar enchentes, riscos à saúde e a contaminação do meio ambiente. Os ecopontos fazem parte da estrutura de coleta seletiva existente na cidade – formada ainda pelo Cata-Tranqueira, realizado pela Secretaria Municipal de Serviços Urbanos, e pelo Programa Recicla Mogi. As três ações estimulam a população mogiana a dar destinação correta ao lixo, a partir da separação dos materiais.
O Cata-Tranqueira segue uma programação que garante o atendimento de cada bairro três vezes por ano. Mensalmente, a operação recolhe uma média de 60 toneladas de materiais, que são encaminhados a aterros sanitários regularizados. Já o Recicla Mogi dividiu a cidade em 12 regiões e, atualmente, percorre duas regiões, formadas no total por 17 bairros. Em cada uma das regiões, o caminhão passa duas vezes por semana, das 7h às 14 horas, e todo o material segue para a Usina de Triagem, localizada na Vila São Francisco.
Para estimular o trabalho e reciclagem e facilitar a ação dos coletores e dos próprios moradores, a Prefeitura de Mogi das Cruzes distribuiu 40 mil sacos de lixo transparentes. Eles são usados para receber o chamado lixo seco, separando-o do lixo único.

Confira os endereços dos dois ecopontos:
Ecoponto Jardim Armênia
Endereço: Rua Júlio Perotti, 56
Funcionamento: segunda a sábado, das 8h às 18h

Ecoponto Parque Olímpico
Endereço: Avenida Prefeito Maurílio de Souza Leite Filho, s/nº
Funcionamento: segunda a sábado, das 8h às 18h