Nesta sexta-feira (02/06), o Theatro Vasques será palco para uma atração internacional. A partir das 20 horas, a pianista americana Shelly Moorman-Stahlman apresenta um recital, que está sendo articulado por intermédio do pianista mogiano Carlos Albertini. Esta será só a primeira apresentação da artista na cidade, que no dia 8 de junho retorna ao palco do Vasques para mais um grande espetáculo, dessa vez ao lado da Orquestra Sinfônica Jovem de Mogi das Cruzes.

Stahlman é professora de música na Lebanon Valley College, na cidade de Annville, Pensilvânia, Estados Unidos. Ali, ela leciona piano, piano em grupo, órgão e disciplinas relacionadas com músicas nas igrejas. Seus alunos têm recebido prêmios em várias competições. Apaixonada pela música brasileira, ela já esteve no país em 2015, quando tocou em muitos concertos de piano e órgão, em uma campanha para resgatar os órgãos pelo Brasil.

“Dra. Moormam Stahlman” – como é chamada – também tocou Beethoven com a Orquestra Nacional do Paraguai. No Brasil até o mês de junho, ela veio para um a temporada de concertos de Beethoven com orquestras e também para espetáculos solo ao piano.

A pianista estudou com Ruth Slenczynska, a última aluna viva de Rachmaninoff, pianista, compositor e maestro russo, tido como um dos últimos grandes expoentes do estilo romântico da música clássica europeia. Também estudou com Santiago Rodriguez, John McIntyre e órgão com Delbert Disselhorst, John Ditto e Harald Vogel.

Em seu primeiro espetáculo na cidade, nesta sexta-feira, a pianista fará uma apresentação solo e deve chamar algum artista convidado. Já no segundo, em que estará acompanhada da Orquestra Sinfônica Jovem de Mogi das Cruzes, o repertório é o Concerto nº 3 de Beethoven e a orquestra estará presente com toda a sua formação, num total de 45 músicos.

“Ter uma solista internacional em nossa temporada é um privilégio muito grande. Tenho certeza que este concerto terá um resultado muito positivo, pois os nossos alunos terão uma grande experiência acompanhando esta brilhante solista”, destaca o maestro Lélis Gerson, diretor artístico e coordenador geral do projeto Orquestra Sinfônica.

Ambas as apresentações são gratuitas. O segundo espetáculo, do dia 8, também começa às 20 horas, no Theatro Vasques. Aos interessados, a orientação é chegar ao local com uma hora de antecedência, para fazer a retirada dos ingressos. Lembrando que é permitida a retirada antecipada de no máximo dois ingressos por pessoa.

Mais informações pelo telefone (11) 4798-6900.