Não existe nada mais satisfatório do que estar de bem consigo mesmo. Eu tenho experimentado isso em minha vida. A Kabbalah, sem dúvida, tem influenciado e muito em meu comportamento proativo. Sem contar é claro que com o passar dos anos a maturidade chega e torna a vida um pouco menos difícil. Comentava hoje com Neusa Forte, da Neusa Boutique, apareci para um café e para colocar a prosa em dia, que o difícil em sociedade não é trabalhar e sim lidar com os melindres das pessoas. Não há nada mais negativo do que o melindre. Há pessoas que não evoluem e se melindram por qualquer coisa. Um horror. De gente deste tipo eu quero mais é distância. Afinal, sou bem resolvido e sei o que quero. O resto para mim é pura perfumaria. Se desvanece no ar. (WD)