No meio do mato

Vivo no meio do mato, e adoro. Há 31 anos. Através do amigo, o arquiteto Newton Marcos Gasparini, que mora em Cambury,  em outubro de 1987  me mudei para uma das casas na chácara da família Burke, ele morava em uma, na Estrada da Pedreira, depois da Vila da Prata, e lá permaneci até 1995; peguei gosto pela natureza, e comprei a chácara, Shalon, onde moro desde maio de 1997, e aqui tenho desfrutado bons momentos. Os amigos me perguntam se me mudaria para um apartamento.  Até hoje eu não pensei nisso…rs… mas no futuro pode até ser por uma questão de mais praticidade, ou melhor, mobilidade…rs…que isso ocorra. Poder trabalhar observando a exuberância da natureza ao redor é um privilégio. Dou-me a esse luxo…rs… e naturalmente, o sentimento de gratidão aflora. Thank´s God!

Um sucesso

Andrea e Ricardo Baldarena, na noite desta quinta, no salão do Clube de Campo, onde rolou, com sucesso a 8ª edição da Mega Desgustação de Vinhos da Offer. Passei por lá para cumprimentar o Ricardo e pude ver o sucesso que foi o evento, prestigiado por centenas de convidados, gente que curte a bebida. A foto é de Marcos Vieira.

 

Parabéns

André França, do restaurante Pé de Jaca, canceriano, como eu, o conheço bem…rs… tem um coração enorme, gosta de festa, de estar com a família e amigos, ganha carinho extra hoje, Dia de São Pedro, na casa dos sogros, Angela e Joaquim Custódio, pela passagem de seu aniversário. Os amigos aparecem para os tintins. Está completando 50 anos. Parabéns, André. Lembro com saudade da comemoração dos meus 50…rs…O tempo passa e as boas lembranças permanecem. A ordem do dia é celebrar a vida. Estamos nessa vibe.

 

No Leitão com Gravata

Neste sábado, almoço com Denise Almeida e Mario do Prado no Leitão de Gravata, no Rancho Caminho do Mar, para colocarmos as conversas em dia. A M8 está sendo consolidada e em breve teremos boas notícias para compartilhar.  Somos amigos e agora sócios em um empreendimento. Renovar é preciso. Neste quesito, modéstia a parte, me considero um especialista.

 

Comportamento

Observando a vida em sociedade,  só faço isso há quase 43 anos, olha, é tempo, confesso, ainda me choco com a falta de educação, de sensibilidade, de algumas pessoas. Não se lapidam, não tem conteúdo. Vivem só de aparência…rs… Quando abrem a boca é um desastre…rs…Não sabem viver e conviver em sociedade com a consciência que tem que ser em via de mão dupla…rs… Tem dinheiro, mas são toscos. É uma pena.

 

Festa Junina na Nadia Conceito

Ontem, quinta-feira, dei uma passada na Nadia Conceito, na Vila Oliveira, para conferir o clima de festa junina que a Sol Buser, a gerente da loja, sempre arma, com comes e bebes e os clientes adoram. E fiz a foto dela diante das iguarias caipiras.  A celebração deste ano, hoje e amanhã, sábado, dá o start em promoção imperdível,  de muitas peças da coleção de inverno 2018, com descontos de até 50%. Vale a pena conferir.