VIVENDO E APRENDENDO A VIVER

Sempre buscando qualidade em todos os sentidos com o intuito de obter satisfação e evoluir menos estressado nesta tão curta existência. Ontem, estive no Velório Municipal para externar os pêsames ao amigo, Luiz Mattos e sua filha Camila, pelo falecimento da querida Sônia, esposa e mãe, que deixou boas lembranças em sua passagem por aqui.  Cumpriu a sua missão. Encontrei amigos e comentamos da tristeza que é se despedir dos entes queridos.

Cada vez que vou ao velório de alguém que gosto, e em tempo de pandemia, só mesmo de quem gosto muito, repenso a existência, e procuro dar valor ao que tem que se dar valor, ao afeto pelo outro, por aquele com o qual vivemos e convivemos no cotidiano, que nos lapidam como seres humanos. Tudo passa, e muito rápido.

Portanto, o mais importante é ser feliz, e felicidade, é bom lembrar, não está nas coisas e nem nos lugares, está dentro da gente. Felicidade não é uma constante euforia, como diz o mestre Shmuel Lemle. Felicidade é uma plenitude interna por estar fazendo o que se veio fazer neste mundo.

 

PARABÉNS, PITTY

O Pitty Siqueira, com Elaine, na comemoração dos meus 42 anos de colunismo, no Club Med Lake Paradise, ganha hoje carinho extra da família e amigos pela passagem de seu aniversário. Parabéns !

 

LIVE SOFT, COM LAURA BARBIERI

Nesta quarta-feira, 24 de fevereiro, com a maior satisfação  converso na Live, Soft, a minha sala de estar no Instagram, as 18 horas, com Laura Barbieri. A conheci menina, bonita,  sobrinha de um amigo muito querido, o saudoso, Emílio, no  Soberano, onde hoje é o Djapa. Em 2000 lancei o site willyvirtual e Laura foi uma das colaboradoras. O tempo passou, casou, tem 3 filhos, engordou 50 kilos, resolveu emagrecer, mudou de vida trabalha em tempo integral, e, agora, compartilha em Perfil, no Insta, dicas de exercícios e receitas fáceis e práticas, saudáveis, que ajudam a manter o peso.

Laura Barbieri a entrevistada desta quarta na Live, Soft

 

NO RANCHO DA TRAÍRA

No sábado passado fui jantar no Rancho da Traíra com Daniel Silvério, comemorando o aniversário dele que ocorreu no domingo, e o amigo paulistano, Estevam Conde Neto e fomos muito bem recebidos pelo Ernani Guimarães e o gerente, Neilton Pereira dos Santos. Claro, traçamos uma traira, que estava crocante, deliciosa. Recomendo. Chegamos as 20h30 e fomos embora passava das 22h30.  Encontrei amigos.

Estevam, Daniel e Willy
Com o amigo Ernani Guimarães
O simpático  gerente do Rancho, Neilton e sua mulher, Vanessa Cler
Amigas queridas que encontrei no Rancho da Traíra, Fabiane Melo Mizuta e Lili Montemor

 

REFLEXÃO DO DIA

52