Alê e Guilherme

Na vibe do que Willy Damasceno sempre diz, “recordar é viver”, relembro este momento com o amigo Alê Macedo, no fim do ano passado, em Lisboa (GO)