Uma coisa que tenho feito ultimamente é não complicar a vida. A maturidade me faz observar a vida com outros olhos. Os problemas surgem e da mesma maneira vão embora, na medida em que os percebemos e decidimos resolvê-los. E como diria o italiano, la nave va, e aprendemos que os obstáculos são necessários para forjar um trabalho, que se transformam em degraus. Escrevendo o meu livro de memórias, para o qual já tenho título “ Tô Lembrando”, olhando para trás, confesso,e fico pasmo como mudei na vida, em todos os sentidos, material e espiritualmente, evoluindo sempre, me reinventando, e chegando aos dias atuais com a consciência de que cumpro uma missão, e, portanto, almejo cumpri-la em grande estilo, cercado pelos amigos conquistados ao longo de 43 anos. A partir de hoje, como não poderia deixar de ser, só tenho olhos para a celebração que irá ocorrer no dia 23 de novembro, no salão do Clube de Campo com a participação de Famílias com as quais vivo e convivo em sociedade, e que convido para esse momento muito especial, para juntos celebrarmos a amizade. Por falar em amigos relevantes, destaco  Meire e João Manoel dos Reis. Quando iniciei como colunista social no Diário de Mogi, no final de novembro de 1975, aos poucos fui conhecendo quem era quem na sociedade. Claro, conheci Meire e João, e suas filhas, Adriana, Rita e Maria Paula, e nos tornamos amigos. Como colunista social registrei alguns dos melhores momentos de suas vidas. Nos Anos 80 e 90, nas festas que eu realizava, eram sempre aguardados. Lembro com saudade das festas de réveillon que promoviam na casa de praia em Juquehy, com queima e fogos. Fui hóspede deles. Bons momentos. Hoje, Meire e João já não frequentam mais a vida social, estão mais reclusos. E para homenageá-los, busquei no arquivo uma foto e encontrei esta, que, aliás, consta no livro Willy & Sociedade, onde a família foi destacada como referência de bom gosto, elegância, e estilo. Uma bela foto, que revela a elegância do casal. Irrepreensível. Meire ganha neste domingo cumpris pelo seu aniversário. Parabéns. Inauguro com eles o gostoso clima de expectativa em torno da festa dos 43 anos,  destacando as famílias mais relevantes em minha trajetória, iniciando em 1975 e chegando em 2018. Celebrando as boas amizades.