Walter Peres Coelho Junior, de 47 anos, nascido em Santo André, é geógrafo com MBA em Geoprocessamento e Inteligência de Negócios, e também apaixonado pelas artes visuais. Vídeo e fotografia tomam conta da sua rotina e são responsáveis por uma tomada de decisão certeira em sua vida profissional quando, em 2016, deixou uma carreira estável como funcionário público na Prefeitura de São Bernardo do Campo para se dedicar exclusivamente à Coelho Audiovisual, empresa instalada em Mogi das Cruzes, que oferece serviços variados na área audiovisual. É casado com Eliene Coelho e pai de Natalia Coelho, de 11 anos.

Caderno W: Como surgiu a ideia de montar a Coelho Audiovisual?

Walter Peres Coelho Junior: Não sei dizer quando percebi a vocação para o mundo da fotografia e vídeo. Parece ser desde sempre. Porém, desde 2007 iniciei os trabalhos de maneira profissional para algumas agências e outros profissionais da área, atuando em eventos sociais. Eram projetos eventuais que eu intercalava com o emprego fixo que tinha na área em que formei. E, apesar do esforço de me desdobrar em duas atividades, principalmente nos fins de semana, tudo compensava. O cachê, nem tanto! (risos), mas a energia era muito positiva e mesmo apenas seguindo os instintos, sem nenhuma formação acadêmica me respaldando, eu conseguia agradar as pessoas para quem trabalhava. Acredito muito que todo ser humano sempre demonstra o que deseja, e como todo fotógrafo já tem o feeling para prestar atenção nos detalhes (deve se esforçar pra ter), isto ajuda muito a entender o que esperam de nosso trabalho. É um processo constante e ininterrupto!

Com a mulher, Eliene, e a filha Natalia

 

Caderno W: Há quanto tempo está no mercado?

Walter: A constituição do estúdio como empresa se deu em 2016. E a motivação não foi apenas um desejo de alma e coisas do tipo. Foi uma ordem da minha filha (risos). Ela tinha 5 anos quando a levei ao trabalho comigo. Em algum momento deste dia, do nada, ela diz: “papai, no ano que vem você não vai mais trabalhar na prefeitura, vai montar um estúdio e tirar foto de animais de estimação”. Eu simplesmente sorri e disse: “Tá bom”. Porém, isso ficou meses na minha cabeça, como se fosse uma programação mental. Eis que em meados de 2016 comuniquei aos meus coordenadores do setor de planejamento urbano da prefeitura de São Bernardo do Campo que ficaria até o final do daquele ano. Obviamente, algumas pessoas achavam uma loucura, mas eu estava tão certo disso que não hesitei em nenhum instante. Os primeiros trabalhos neste início já demandaram gravação de vídeos, uma tendência quase que consolidada já neste período. Hoje já comprovamos o poder da comunicação dos vídeos na internet. E é claro que tive de me adaptar. Porém, com uma enorme satisfação! Já fazia parte do projeto agregar vídeos aos serviços do estúdio.

Caderno W: Quais foram os seus primeiros trabalhos atuando profissionalmente?

Walter: Em abril de 2016, fui ao Rio de Janeiro para participar do Arnold Classic Brasil, evento chancelado por Arnold Schwarzenegger, em que se apresentavam atletas de diversas modalidades esportivas. Meu trabalho foi fotografar e gravar Marcos Ferrari, um grande amigo, que é ainda hoje o único representante nacional do Strongman. Desde então, o universo do audiovisual predominou. Com os avanços dos equipamentos, as possibilidades também evoluíram. Comecei a oferecer serviços de fotografia e vídeo 360°, atendendo a demandas da área de publicidade e propaganda da nossa região.

Eliene e Natalia

 

Caderno W: Quais são os serviços oferecidos pela sua empresa?

Walter: O estúdio Coelho Audiovisual está preparado para atender os projetos de publicidade, propaganda e marketing. Nosso slogan é: “Vídeos Notáveis que Conectam Pessoas!”. Oferecemos aos clientes os seguintes serviços: fotografia comercial, fotografia de produtos (Still), fotografia para conteúdo de mídias digitais, fotografia de eventos, fotografia 360°, fotografia de estúdio, retrato corporativo, book profissional, book pessoal, audiovisual, vídeos para EAD (Ensino a Distância), institucional, publicitário, documental, aéreo (drone), para conteúdo de mídias digitais e 360°, e também streaming (Live), transmissão de live streaming, gestão de conteúdo para plataforma de streaming, soluções de marketing, website, loja virtual, design estratégico e gestão de redes sociais.

Caderno W: Qual é a importância da comunicação visual para um negócio?

Walter: A comunicação talvez seja uma das armas mais poderosas. E, me permita destacar o termo “arma” por ser isso mesmo. Infelizmente, mesmo em período de guerras, a comunicação sempre foi muito poderosa. E a Comunicação Visual mais forte ainda. É pelo visual que as pessoas se comunicam mesmo sem saber o que podem estar comunicando. O jeito de se vestir, os cuidados com a assiduidade, entre outros, transmitem uma mensagem muito poderosa de fato. Por isso, quem trabalha com esta ferramenta para uma empresa ou algum projeto deve ter atenção redobrada em todos os detalhes.

Caderno W: Com a pandemia, um novo tipo de comunicação surgiu, que são as lives. Fale um pouco sobre a importância delas.

Walter: A televisão é a avó das lives. E quase em todos os setores da nossa sociedade sabe-se a grande influência que ela exerce na vida de cada pessoa. No trabalho ou para entreter, as transmissões dos programas sempre povoaram nossas mentes. As “Live Streaming, “Streaming” ou, simplesmente, “Live” ficaram em grande evidência devido à pandemia da Covid-19 e todos tiveram de recorrer a estes recursos e atendeu a quase tudo:  comunicação empresarial, para os estudantes, para área médica, shows, entre outras. Grandes empresas perceberam vantagens de diversas maneiras, como a redução de custo do transporte e de locações de imóveis com os funcionários em home Office e agilidade na tomada de decisões.

Caderno W: Quais dicas você dá para quem deseja fazer uma live para se comunicar melhor com o público?

Walter: Uma dica muito importante para quem precisa fazer uma live é: cuide do áudio que, segundo produtoras e diretores de cinema, mesmo em se tratando de uma live, o áudio representa 80% do sucesso do filme ou vídeo. Se uma imagem não for 4k e tiver um excelente áudio e o conteúdo for de qualidade o sucesso é certo. Agora, com áudio ruim, pode ter excelente conteúdo, imagem belíssima, mas dificilmente um expectador assistirá a produção até o final.

 

Caderno W: Quais são os projetos a médio e longo prazo?

Walter: Teremos boas novidades! Vamos lançar um curso EAD para os amantes de vinho. Estamos concluindo a produção do primeiro Módulo: Enogastronomia – O Percurso da História do Vinho e sua Relação com a Culinária de Várias Regiões do Mundo. Este módulo tem o objetivo de transmitir conhecimento sobre o vinho para cada momento, ajudar a pessoa a comprar com sabedoria e, também dará dicas de como servir com elegância e assertividade. Ainda não temos data para o lançamento deste módulo, mas provavelmente será no inicio de novembro deste ano.

E mais: em parceria com o chef Gabriel Grinberg, da Boutique de Pães e do Empório e Padaria Artesanal Monte Verde K, lançaremos uma plataforma de ensino para os amantes e profissionais do universo da gastronomia. Aliás, aqui é o primeiro canal que estamos divulgando este nosso projeto. Os roteiros dos próximos módulos já estão prontos e estruturados para produção! Em breve falaremos mais sobre a “DOMÃ, Escola da Arte Culinária!” Aguardem!

A filha Natalia

 

Caderno W: Tem alguma frase que o inspira?

Walter: “Para que o mal triunfe, basta que os bons fiquem de braços cruzados”, de Edmund Burke (filósofo irlandês).

Caderno W: Viver em Mogi é…

Walter: Naturalmente essencial, meu lar, é onde está a minha família, meus amigos. Sou o que sou por conta dos valores humanos que aprendi com pessoas deste cantinho do mundo!