Glau, Willy e Betão, na mesma frequência, na comemoração que tirou a sociedade do lugar comum em 2015