Nos dias 13 e 14 de abril, às 19 horas, o SESI Mogi das Cruzes recebe o espetáculo Mundomudo, da Companhia Azul Celeste. Por meio de linguagem não-verbal, é contada a históriadecadente de dois velhos palhaços, abandonados em um espaço desértico, na tentativa frustrada de sobrevivência ao inevitável desmoronamento da relação construída entre eles. A entrada é gratuita e os ingressos podem ser reservados pelo sistema Meu SESI no www.sesisp.org.br/meu-sesi. Os personagens, homens ‘pequenos’ aprisionados em um espaço enorme, são religados, repetidamente, pelo jogo estabelecido na convivência e na necessidade um do outro. Há um início, uma duração, um final, e a repetição de todo o processo em dias seguidos.

A peça é inspirada na obra ‘Fim de Jogo’, de Samuel Beckett, autor irlandês que teve seus personagens, muitas vezes, associados à figura do palhaço. É também um dos dramaturgos em destaque quando se fala do Teatro do Absurdo.

Sobre a Companhia Azul Celeste

A Companhia Azul Celeste foi fundada em março de 1989 pelos atores Jorge Vermelho e Cássio Ibrahim, em São José do Rio Preto, interior do Estado de São Paulo. Os dois, inquietos e provocados, queriam criar no interior do estado, um grupo que pudesse servir de instrumento para a pesquisa das linguagens cênicas. A partir desse encontro, profissionais foram incorporados à equipe do grupo e teve início um trabalho investigativo acerca das diferentes etapas da criação. Participando de inúmeros eventos e festivais brasileiros, a Companhia já produziu 27 espetáculos, conquistando inúmeros prêmios nacionais de teatro. Atualmente desenvolve pesquisa sobre a dramaturgia brasileira contemporânea e busca o aprimoramento técnico e teórico de seus integrantes por meio de encontros, leituras, debates e seminários.