Como é bom fazer o que se gosta, porque nessa vibe, enfrentamos as adversidades com mais sabedoria, não se estressando, muito pelo contrário, aprendendo com elas e vislumbrando dias melhores pela frente. A quarentena que vivemos gera incertezas, mas ao mesmo tempo, nos possibilita revisar tudo o que vínhamos fazendo até então, e partir para o novo momento mais amadurecido, mais seletivo e também mais solidário. Eu estou nessa sintonia, pronto para somar com os amigos e parceiros, em um brinde a vida. Mexendo em meu arquivo atrás de uma foto que evocasse só coisas boas, o momento é de cultivarmos pensamentos positivos, encontrei esta da amiga e parceira, Nádia Luri Condo, linda, chique e cultivando a joie de vivre, com um  Aperol Spritz na mão, na Nadia Conceito, que não vejo a hora que reabra para eu tomar um cafezinho, encontrar as meninas e apurar o gosto. Um brinde aos novos tempos. Confesso, estou com saudade da Nadia Conceito, e também, é claro, da Nádia. Logo vamos nos ver e celebrar a vida.