Comprovo no cotidiano que colhemos realmente o que plantamos. Há quase 44 anos fazendo o que faço, com a maior satisfação, compartilhando notícias, comecei no papel- fiz também rádio e tevê- ainda continuo nele, não sei, confesso, por quanto tempo mais…rs…afinal a realidade é a mídia digital  na qual evoluo desde 2000, fui o pioneiro na área, e hoje colho bons frutos, dentre eles, a credibilidade de um trabalho que forma opinião. Que tem consistência.  A minha maior conquista. O Caderno W tem se revelado a  vitrine dos bons empreendimentos que surgem na cidade e se consolidam com o passar dos anos, permitindo que a pessoas não precisem mais se deslocar até São Paulo para ser bem atendidos.

Na área médica, um deles,  merece destaque,  o Hospital e Maternidade Mogi Mater, a antiga Mãe Pobre. Recentemente, através da assessora de imprensa, Sabrina Pacca, conheci o Jackson Melo, diretor administrativo e a ouvidora Andréa Cavalcante que me apresentaram o empreendimento. Fiquei tão bem impressionado que comentei com Vanessa e Gabriel, ela grávida  e escolhendo o hospital onde pudesse fazer o parto natural, que foram conhecer o Mogi Mater e optaram por ele, e o que é melhor, só têm elogios à estrutura da maternidade, tanto física como profissional.   Na sequência conheci a Suelem, do Cine Mater, que hoje é parceira do Caderno W, foi capa na edição de março. Retribuindo gentilezas, vão participar da Feijoada do Willy 2019,  resolvi hoje pela manhã, ir ao Mogi Mater, em companhia de Rose Odashima, presentear Andrea e Jackson com o livro  W Crônica de um tempo e qual não foi a minha agradável surpresa em rever após muitos anos o Said Majzoube, um dos proprietários, que é uma simpatia, e acabamos  nos reunindo no Dr. Café,  com a participação também de Michel Fukusato, diretor clínico. E, como não poderia deixar de ser, todos ganharam um exemplar do W.

E como o universo conspira a favor, sem combinarmos, o Gabriel Grinberg apareceu e fiz questão deste registro para compartilhar com os leitores do Caderno W o agradável encontro. Valeu.

Jackson, Gabriel, Said, Andréa, Rose, Willy e Michel no Dr. Café do Mogi Mater. Um encontro memorável