Agosto está terminando, e alinhavo, com a maior satisfação a edição especial do Caderno W impresso, do mês, celebrando, com a boa energia irradiada por amigos, que convido, e se manifestam carinhosamente, com depoimentos, os seus 12 anos. Em agosto de 2007, o tempo não passa, voa, lancei o Caderno W, um sonho muito sonhado,  e de lá para cá o venho materializando, ultrapassando obstáculos e obtendo vitórias. Quando surgiu decidi padronizar a marca, substituindo o Willyvirtual, que já existia há 7 anos, por Caderno W e desde então consolido um trabalho que se renova e se afina à realidade dos novos tempos, com credibilidade,  conquistando um público afinado com a boa informação, que agrega, e gera um perceptível bem estar social.  Esse é o diferencial do Caderno W. Forma opinião.

Nessa vibe, continuo passeando os olhos pelo arquivo fotográfico e com a maior satisfação crio galerias, da saudade, com registros que revelam a vida em sociedade através dos anos. Em novembro próximo comemoro os 44 anos de atividades como colunista social. Confesso, que me emociono, revendo amigos, muitos já se foram para o andar de cima, que são lembrados com carinho. E o sentimento de gratidão aflora pelo simples fato de eu poder compartilhar momentos relevantes. Bons tempos. Recordar é viver. Com a foto de Angelita e Aristides Cunha Neto, o Tidico, amigos de long time, abro a Galeria da saudade ( XVI ), recheada de boas recordações.