Diariamente passeio os olhos pelo arquivo fotográfico, para rechear as galerias da saudade, que tenho compartilhado no Caderno W e tem feito o maior sucesso, recordando momentos inesquecíveis, alinhavando o meu novo livro, Tô lembrando, que recheio com histórias, com boas histórias de minha vida pessoal, até vir parar em Mogi das Cruzes em 1975 quando me tornei colunista social, 4 meses depois de ter chegado na cidade, como cabeleireiro. Obra do destino. O tempo não passa, voa.

Como se pode perceber o número 4 tem relevância numerológica em minha trajetória…rs… e nesse clima de positividade, mexendo com a emoção, preparo a comemoração dos 44 anos de trabalho, com uma belíssima festa no La Vince, agendada para o dia 22 de novembro próximo, para a qual pretendo convidar os amigos que me acompanham e torcem pelo meu sucesso, e, é claro, recíproca verdadeira, já que venho registrando com satisfação os melhores momentos de suas, de nossas vidas, ao longo dos 44 anos.

Celebrá-los faz parte do meu mister. E como festeiro mor, até empresa para realizar eventos já tive, a WA, pioneira na cidade, aliás, desta cidade onde vou me dar ao luxo de realizar mais uma comemoração, perdi a conta,  onde as boas lembranças serão devidamente recordadas através de meu arquivo fotográfico que compartilho com a maior satisfação através do Caderno W criando um gostoso clima de expectativa, até tirando de casa muitos que já não frequentam a social life.

 

E abro mais uma Galeria da Saudade, a X , com esta foto memorável, da comemoração dos meus 24 anos de colunismo social, onde apareço em companhia do governador Mário Covas e dona Lila, na hora do bolo, cercado por amigos, graças a  Estevam Galvão de Oliveira que intermediou o convite ao governador para a comemoração e ele aceitou. Inesquecível a sua chegada ao salão do Clube de Campo, a festa era black-tie, e ele que não usava black tie, veio de terno, e, carismático, polarizou as atenções.