Nesta sexta-feira, dia 13, evoco a boa sorte. E ela surge naturalmente…rs…Hoje, tive a satisfação de almoçar com o professor Mário Sérgio, e na ida ao restaurante Mirante do Paraíba rolou uma boa prosa, eu lhe externando o desejo de concretizar mais um sonho, o livro de Memórias, até o título foi sugerido por ele, “ Tô Lembrando”, e, olha, gostei, afinal, como ele observou, vivo um novo momento em minha vida, como que olhando a vida em sociedade do alto, e com muitas histórias para compartilhar revelando um passado pleno de realizações. Almoçamos um linguado divino, com palmito, antes, camarão arrilho, a minha entrada preferida, casquinha de Siri, a comida no Mirante é impar, e alinhavamos muitos pontos, sobre o meu futuro livro, devidamente observados por ele, com pontos que pretendo amadurecer, que tem experiência em edição de livros, já lançou 8. E nessa linha de raciocínio, do “ Tô Lembrando”, me deu vontade de passear os olhos pelo arquivo, bateu a nostalgia, e encontrei esta foto, de Clarissa Ornellas, menina, acho que da idade da sua filha, Veridiana, com a mamãe Nanci e Lela Brandão. Sim, Clarissa a empresária da Menina de Laço, e a compartilho com satisfação dando corda aos fatos e pessoas  relevantes. Realmente recordar é viver. O meu novo livro virá recheado de boas lembranças, como essa, e posso me dar a esse luxo respaldado em quase 43 anos de trabalho. E  sempre celebrando a vida.